"Missão é feita com os pés daqueles que vão, os joelhos daqueles que ficam e as mãos daqueles que doam."

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

É um Congelador ? É um Freezer ? Não... É a Mongólia !

    Freezer e congelador têm capacidades de refrigeração bem diferentes, o congelador atinge uma temperatura média de -6º C e o freezer é capaz de atingir temperaturas de -20°C. Ou seja: o freezer é sempre bem mais frio que o congelador, mas, nem um dos dois é tão frio quanto a Mongólia durante o inverno.


´     

    É isto mesmo, durante estes dias estamos enfrentando ( praticamente uma luta diária e real ) temperaturas de até -33ºC. Então, para fazer uma comparação bem simples é bem pior do que você estar dentro de um congelador ou freezer.


     

     Olha, não tem como explicar, só mesmo sentindo ( então, deixo aqui o nosso convite aqueles que desejarem ter esta sensação única na vida virem durante o inverno conhecer a Mongólia, serão nossos convidados ), eu na verdade acredito que depois que a temperatura começa a baixar dos -25º já não dá nem para diferenciar... é tão terrível, mas, tão terrível... 



     Só para vocês terem uma ideia com este frio todo, os pelinhos do nariz, isto mesmo, os pelinhos do nariz, dá para sentir eles congelando... e os cílios também congelam ( tem que tomar cuidado para não tocar neles, pois, podem quebrar). Nariz e orelhas não podem ficar desprotegidos pois parece que eles cairão a qualquer momento e se tem dores em partes do corpo que antes você nem imaginava que existiam... é uma dor terrível! 


     No entanto, a vida não para, você tem que trabalhar, ir as compras, a igreja, visitar as pessoas, viver uma vida normal ( na medida do possível, praticamente um pinguim... kkkkk ).

     Imagine você as 7:00 da manhã no ponto do ônibus esperando por uns 20 a 30 minutos ( aqui os ônibus são bem lotados, nem sempre você consegue entrar no ônibus para ir ao seu destino, as vezes tem que esperar muito ), quase sempre a temperatura de -20º ( que chega fácil aqui ). 

     Ah! Também tem que tomar muito cuidado com a neve e pior que ela o gelo que fica nas calçadas, isto torna tudo liso e perigoso, muito fácil de cair, mesmo com calçados apropriados. O interessante ( e ótimo diga-se de passagem ) é que mesmo muito frio, com muita neve e gelo o sol brilha durante o dia e o céu é Azul a grande parte do ano, dizem que são em torno de 300 dias assim, para falar a verdade eu não contei ainda ( por isto a Mongólia é conhecida como Blue Sky, o país do Céu Azul ).


     Esta semana mesmo, devido a quantidade excessiva de neve que caiu e ao gelo que se acumulou, nós tivemos que limpar a neve e o gelo em frente a nossa Escola. Confesso que eu não consegui fazer o trabalho até o final, pois, chegou em um momento que meus dedos estavam praticamente congelados mesmo com as luvas ( verdade, quando tirei as luvas eles já estavam azulados ), e meu rosto super vermelho, aí me mandaram entrar e me aquecer. O legal é que a iniciativa de ajudar a limpar a rua chamou a atenção da Tv e fizeram uma reportagem conosco ( claro,  eu apareço de coadjuvante... kkkk ) , dá uma olhadinha no vídeo abaixo neste link:
     

https://www.facebook.com/TelevisionTv8/videos/1868837296678469/


     Voltando a falar do frio... não posso me esquecer das roupas... "milhares" delas sobre o corpo. Vou confessar que as vezes eu já durmo com a roupa que vou usar por baixo durante o dia, pois, aí já está quentinha de manhã. Bom, vamos lá... uso uma calça e camisa térmica (daquelas que alpinistas usam ), depois vai mais uma camisa ( ou duas ), blusa de lã e então um super, hiper, ultra, mega casaco ( comprado aqui na Mongólia ), algumas vezes uma calça de moleton ou lã e então a calça jeans ou social e mais a meia térmica e as vezes uma outra ( meia de pêlo de camelo ). Depois ainda vem o calçado (normalmente revestido por dentro ou com uma palmilha especial )... calma ainda não acabou ( parece um ritual diário ), luvas, gorro e cachecol. Só isto! 


      E os bebês mongóis... são lindos e fofos e totalmente embalados no inverno.... é muito engraçado e interessante uma trouxinha de pano no colo dos pais, ficam todos enroladinhos lá dentro, não conseguem nem se mexer praticamente.


     O grande problema na verdade não é colocar as roupas, é ter que tira-lás quando se chega no trabalho e depois colocar tudo de novo para ir embora. Muitos de nossos alunos por exemplo, já tem a roupa do uniforme em seus armários lá na escola, chegam e trocam tudo até mesmo os sapatos, normalmente eles não ficam com as mesmas roupas, blusas e calçados que eles usam lá fora dentro dos lugares fechados.


Calma... muita calma... nem tudo é tão terrível!


     A parte boa é que as casas, apartamentos, escolas, igrejas, mercados e lojas tem aquecimento e é super quetinho... aqui onde moramos dá pra ficar de bermuda e camiseta. A água das torneiras também tem a dosagem para estarem quentinhas para lavar louça, roupas e também o chuveiro para o banho.



     Outro ponto positivo é que as roupas de frio são charmosas e elegantes ( contribuição da minha esposa sobre este assunto ), você pode dormir com cobertores bem quentinhos durante a noite toda, tomar bastante chá e chocolate quente e também muita sopa ( para quem gosta  ).

     Também é muito gostoso você se deliciar com uma refeição quentinha, feita na hora ( eu lembro que quando morávamos em Guiné-Bissau era terrível comer refeições quentes com aquele calor infernal de 45º, totalmente o oposto daqui ). É uma oportunidade também para convidar amigos e irmãos para uma refeição brasileira em nossa casa.  


     Estes dias muito frios também nos permitem ficar mais em casa a noite, e é quando aproveitamos para reunir os jovens, os amigos para momentos de jogos, conversas e muita descontração, socialização é fundamental no Campo Missionário e nos traz momentos muito bons.

     E tudo isto sem falar da neve... Ah, a neve... nossa a neve é algo espetacular... ver ela caindo, ver as árvores, casas, carros, todos cobertos por esta camada branquinha, é incrível, a paisagem fica maravilhosa e a sensação é que você está naquelas cenas de filmes que você antes nunca imaginaria presenciar.

    Uma das coisas mais legais que fizemos aqui é andar sobre um rio congelado, nossa, foi algo surreal... saber que embaixo de seus pés há água e peixes ( não me pergunte como eles sobrevivem ), aquela sensação de excitação e medo ao mesmo tempo, uma adrenalina diferente

         Mas, quer saber o que há de melhor na Mognólia?

     
     O melhor de tudo é a 
Hospitalidade do povo Mongól... qualquer família que for visitar você será sempre muito bem recebido, como um convidado de honra, eles terão um chá quente para te aquecer, um fogão sempre aquecido ( no caso das Ger´s ), algo para te oferecer para comer e sempre muito interessados no que você tem para falar.    


         
     Mas agradecemos a Deus porque temos roupas apropriadas e temos um lugar quentinho para morar e ficar, mas, existem pessoas aqui na Mongólia, que não tem um lar, são moradoras de rua... E então você deve estar se perguntando agora: Como elas sobrevivem com tanto frio? Sobrevivem dentro de buracos... 

     
     Isto mesmo, aquelas tampas que ficam nas calçadas onde abaixo passam os canos de aquecimento, é lá que dormem, que moram e sobrevivem a este frio tremendo, são conhecidos como os "homens do buraco", uma realidade muito triste aqui na Mongólia uma vida terrível de cortar o coração.
  

     Graças ao nosso bom Deus hoje já existem ONG´s aqui na Mongólia que fazem um trabalho lindíssimo com estes moradores de rua, alimentando-os, levando-os ao médico, ajudando em muitas coisas que eles precisam. Deus seja louvado por isto.


 
     
     Confesso para vocês que na verdade a vida aqui na Mongólia principalmente no inverno ( praticamente 6 meses do ano ) não é fácil. Ficar longe da família e de todos que amamos, não é fácil, viver em um lugar onde você não entende o que as pessoas falam, não é fácil, conviver com uma cultura tão diferente da sua, não é fácil... Mas, saber que Deus nos fez um chamado para "aquecer corações" e que Ele nos está capacitando para isto é algo que nos faz continuar e resistir a todos os desafios, pois, Ele nos chamou para esta Missão e com certeza tem um propósito para tudo. 


     Continuamos contanto com vossas orações e temos a certeza que Deus está no Comando!


"Todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus e foram chamados segundo o seu propósito". 
Romanos 8:28